Cortar o açúcar melhora rapidamente os marcadores de saúde do Coração

As crianças obesas que cortaram o açúcar de suas dietas tiveram melhoras nos marcadores de doença cardíaca depois de apenas nove dias, encontrou um estudo do Atherosclerosis.

Para o estudo, os pesquisadores avaliaram 37 crianças com idades entre 9 a 18 anos que eram obesas e com alto risco de doença cardíaca e diabetes tipo 2. As crianças receberam alimentos e bebidas que totalizavam o mesmo número de calorias, gorduras, proteínas e carboidratos de suas dietas típicas.

A única mudança foi a sua ingestão de açúcar: Os pesquisadores trocaram os alimentos ricos em açúcares adicionados, como bolos e iogurtes adoçados, por opções como bagels e pizza. Isto reduziu o açúcar na dieta de 28 por cento para 10 por cento, e a frutose de 12 por cento para 4 por cento do total de calorias.

Depois de nove dias, os investigadores perceberam uma queda de 33 por cento nos triglicerídeos, um tipo de gordura ligada a doenças cardíacas; uma redução de 49 por cento numa proteína chamada apoC-III, que está ligada aos elevados níveis  de triglicéridos; e reduções drásticas nos níveis de colesterol LDL pequenos e densos, um fator de risco para doenças cardíacas.

Embora seja um estudo pequeno e de curto prazo, que se baseia em pesquisas anteriores deste grupo implicando os açúcares adicionados como um contribuinte para os distúrbios metabólicos e doenças do coração.


"As calorias do açúcar não são como as outras calorias dos carboidratos", disse o Dr. Robert Lustig, um co-autor do estudo e professor de pediatria no Hospital Benioff Children's na Universidade da Califórnia, em São Francisco. "Sem alterar os carboidratos totais, ou a gordura, ou a proteína, fomos capazes de alcançar esta grande melhora nos seus fatores de risco cardiovascular", não relacionados à perda de peso, disse ele.


Artigo publicado no The New York Times, traduzido por Regiany Floriano


___________________


Sugestões de livros sobre a Dieta Paleo - Low Carb? Veja aqui

Receba as novidades do Menos Rótulos por e-mail:
    
 Siga MENOS RÓTULOS no Facebook e Instagram

 As informações contidas neste blog são relatos pessoais, ou artigos traduzidos com as devidas referências, não se destinam a diagnosticar, tratar, curar ou prevenir qualquer condição médica e não devem ser usadas como um substituto para o cuidado e orientação de um médico / nutricionista.